Table of Contents Table of Contents
Previous Page  41 / 86 Next Page
Basic version Information
Show Menu
Previous Page 41 / 86 Next Page
Page Background

TURISMO EM NÚMEROS |

PÁG.

41

| EDIÇÃO 96

Airways, American Airlines, a

rede Ibis, o Costão do Santinho,

Novotel Hotels, CVC e Azul Linhas

Aéreas são apenas algumas das

grandes contratantes.

E nas Agências de Viagens não

é diferente. Estão todas obriga-

das a cumprir a cota determinada

pela Lei nº 8.213/91. Nada mais

justo, há espaço para todos.

Para a CVC, por exemplo, a con-

tratação de PCDs ocorre da forma

mais natural possível, uma vez

que esses profissionais têm capa-

cidade de se adaptar ao trabalho

diário tanto quanto um profissio-

A LEI APLICADA AOS

SETORES DA ECONOMIA

Em alguns setores ou ativida-

des, como os que exigem aptidão

física ou podem ser considerados

mais perigosos do que outros, o

Conade e a Secretaria Especial

de Direitos Humanos propõem

às empresas que incluam os de-

ficientes, de maneira satisfatória,

em funções administrativas, ou

após curso preparatório.

No Turismo as empresas já

estão estabelecidas em relação a

esta obrigatoriedade e percebem

no deficiente uma mão de obra

mais que competente para o

trabalho necessário. Gol, British

Shutterstock